maconha cannabis cultivo indoor legalização

Assine nossa Newsletter. Mídia Independente!

Marcha da Maconha
1 2 3 4

Posts Recentes

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Com Uruguai, América do Sul vê caminho para legalização da maconha

Com Uruguai, América do Sul vê caminho para legalização da maconha
Para iniciativa que visa acabar com traficantes de droga através de regulamentação e impostos, no entanto, país teria de produzir 5 mil quilogramas por mês.

O Uruguai produz produtos como arroz, soja e trigo. Em breve, no entanto, pode ser que o governo comece a cultivar algo um pouco mais complicado: a maconha, dentro de um movimento crescente na região em busca de alternativas para guerra contra as drogas dos Estados Unidos.

O presidente uruguaio e ex-guerrilheiro pediu inicialmente a "legalização regulamentada e controlada da maconha" em um plano de segurança divulgado no mês passado. E agora o assunto mais falado no país são os possíveis impactos de um mercado formal para aquela que Ronald Reagan certa vez descreveu como "provavelmente a droga mais perigosa da América".

"É uma mudança bastante diferente na abordagem do assunto”, disse Sebastian Sabini, um dos legisladores que trabalharam na controversa proposta revelada pelo presidente José Mujica no dia 20 de junho. "Queremos separar o mercado: os usuários de maconha dos traficantes e usuários de outras drogas como a heroína."

Na América Latina, líderes chocados com a propagação da violência das drogas estão ponderando políticas que talvez nunca teriam sido consideradas anteriormente. As legislações brasileiras e argentinas acreditam que descriminalizar tudo, desde a heroína, cocaína e a maconha poderia ser a melhor maneira de permitir que a polícia possa se concentrar nos traficantes em vez de viciados.

O Uruguai levou essa experimentação para um outro patamar. As autoridades da ONU disseram que nenhum outro país considerou seriamente a criação de um monopólio legal completamente administrado pelo Estado para a maconha ou qualquer outra substância proibida pela Convenção Única das Nações Unidas sobre Narcóticos de 1961.

Indústria estatal "maconha"

A decisão pode tornar o Uruguai na primeira república da maconha do mundo - ultrapassando a Holanda, que oficialmente ignora as vendas de maconha e seu uso desde 1976, e Portugal, que aboliu todas as sanções penais para o uso de drogas em 2001. Em Montevidéu, no entanto, a ideia é que uma indústria estatal possa emergir dessa questão, criada por burocratas do governo convencidos de que a oposição à maconha é um conceito simplesmente desatualizado.

Mas largar o hábito proibicionista, ao contrário do que parece, não é uma tarefa fácil. Mesmo em um país pequeno, com uma população total de 3,3 milhões de habitantes, a proposta do presidente ainda enfrenta bastante oposição. Médicos, rivais políticos, usuários de maconha e oficiais de segurança, todos demonstraram preocupação sobre como a maconha seria administrada e se a legalização, ou algo próximo a ela, poderia piorar o problema do vício e do crime no Uruguai.

Mujica, 78 anos, ex-guerrilheiro boêmio que dirige um fusca ano 81, parece estar surpreso com a reação. Ele disse este mês que se a maioria dos uruguaios não compreender o valor da legalização, ele suspenderia seu plano e tentaria resolver os detalhes e conquistar mais apoio público. Mas esse é um líder rebelde que passou mais de uma década na cadeia como preso político. Por isso mesmo, à medida que discutia o adiamento, ele sinalizava que talvez não estaria disposto a desistir, enfatizando que os usuários de drogas "estão escravizados por um mercado ilegal."

"Eles acabam optando pelo mundo do crime pois não têm dinheiro", disse. "E eles se tornam traficantes porque não têm outros meios financeiros para satisfazer seu vício."

Seu governo, que tem uma pequena maioria no Parlamento, está seguindo em frente. Um dos conselheiros do presidente, disse neste mês que a legislação proposta seria apresentada dentro de algumas semanas e que Júlio Calzada, secretário-geral do Comitê Nacional de Combate a Drogas do Uruguai, e muitos outros estavam trabalhando sem parar. Sua mesa estava coberta com bilhetes sobre mercados locais de drogas. Um tecnocrata de cabelos longos e finos como o de um velho roqueiro, ele disse estar bastante ocupado tentando calcular quanta maconha o Uruguai deveria plantar para acabar com os negócios dos traficantes. Ele concluiu que, com cerca de 70 mil usuários, o país precisa produzir pelo menos 5 mil quilos por mês. "Temos de garantir que todos os nossos usuários irão obter um produto de qualidade", disse.

Ele acrescentou que a segurança seria outro desafio. Os cartéis de drogas protegem seu produto ao escondê-lo com a presente ameaça de violência. Autoridades uruguaias, incluindo Sebastian Sabini - um dos vários legisladores que abertamente admitem fumar maconha -, são a favor de uma abordagem mais humana. Eles acreditam que seja interessante deixar os fumantes cultivarem sua maconha para uso próprio e sem intuito comercial, enquanto os agricultores profissionais poderiam fornecer o resto através de seu cultivo em pequenas parcelas de terras que poderiam ser facilmente protegidas.

O governo também exigiria que os usuários se registrassem com cartões de uso para evitar que a lei seja usufruída por estrangeiros - uma ideia influenciada por uma nova política na Holanda, que restringe a venda de maconha para os moradores do país - e para controlar e limitar as compras dos uruguaios (a talvez 40 cigarros de maconha por mês, segundo autoridades). Finalmente, haveriam sistemas criados para regular os níveis de THC, o ingrediente ativo da maconha, e impostos seriam cobrados sobre os produtores, contando para a aplicação com ajuda das agências reguladoras de tabaco, álcool e produtos farmacêuticos.

Muitos na comunidade de tratamento da toxicodependência têm suas dúvidas. "Você nunca se livrará do mercado negro", disse Pablo Rossi, diretor da Fundação Manantiales, que administra vários centros de tratamento em Montevidéu.

Mas o usuário e traficante Gabriel, disse que os grandes traficantes, inevitavelmente, iriam se adaptar a esse mercado. A questão é: para o bem ou para o mal? Talvez eles começariam a vender a cocaína mais barata, disse ele, causando maiores problemas. Ou talvez seus negócios acabariam de vez. Por agora, pelo menos, a maioria deles parece ter medo da mudança: ele disse que um quilo de maconha custa, que hoje cerca de US$ 470 no Uruguai, costumava ser US$ 375 antes da proposta de legalização ter sido anunciada.

"Estão tentando ganhar o máximo de dinheiro possível", disse Gabriel."Eles acreditam que a legalização é iminente."

Fonte: New York Times | Último Segundo Ig

Quer ver sua publicação aqui ?
  Envie um e-mail para contato@diariodaerva.com
  Faça parte da Revolução da Informação.


ANUNCIE AQUI - PATROCINE O DIARIO DA ERVA

Um comentário:

Anônimo disse...

informativo, maconha e final de semana vamos que vamos

Postar um comentário


ESCREVA UMA SUGESTÃO INTELIGENTE AQUI.
Seu comentário faz nosso crescimento coletivo..

Você no Diário da Erva. BOA SORTE NO MUNDO NOVO !!

/

ASSUNTOS

# Frases de um maconheiro # maconha pelo mundo #Anonymous #AoVivo #ArteNaBlunt #AUTOFLOWERING #BadTrip #cannabidiol #CannabisSeeds #CatágoloMaconhaMedicinal #ClubeDeMaconha #DEBATE #DivasdaErva #Espiritual #GoodTrip #GrowerNãoEhTraficante #HighLife #Homenagem #HOUSEGROWER #kush #MarijuanaMedicinal #MidiaMaconha #NotíciasCannabicas #NovaOrdemMundial #Patrocinadores #Pictures #PlantasMedicinais #POSITIVISMO #QuemTemSeda? #Regulamentação #WeedDaily #weedtube 2PAC 420Friends 4i20 ALCOOL Amsterdam animais Arte Alternativa ATIVISTAS BALI_HAI_Paper Barcelona BaseadosPeloMundo Be Happy Tabacaria Belo Horizonte BemBolado Bezerra da Silva Bio Bizz biodegradável BobMarley Bolando 1 Baseado BONG Bongs-Pipes BRASIL_UM_PAÍS_DE_TODOS Brasília Buds Cabeça Ativa Cacife Clandestino Califórnia Campanha Nacional Pela Regulamentação da Maconha Canabinoides CANHAMO CANNABIS Cannabis Cup cannabis cura câncer Cannabis em Portugal Cannabis Medicinal CAPA DE REVISTA Carta Capital Casa CBD CDs COMPLETO CENTRO CERVEJA CHAPADO CharlieBrownJR CheechChong Chile Chimaruts CidadeNegra Ciência CINEMA Coca Coffee_Shop Coffee_Shop_diariodaerva.com cogumelos colirio ConeCrewDiretoria conexão Copa do Mundo Copacabana Cores Cozinha para Chapados CULINÁRIA E RECEITAS - Tudo Gostoso cultivo CULTIVO INDOOR CULTIVO OUTDOOR culto cannabico CULTURA CANNABIS MAGAZINE CULTURA_DEL_CANNABIS Curiosidade Curitiba Cypress Hill D.A.P Dab DAILY_WEED DalaiLama DANOS Democracia Dependência DEPOIMENTOS DESCRIMINALIZACAO DESENHOS Diário de uma Mente insâna DIARIO Dハーブ Diário Policial diariodaerva.com diários de cultivo DICAS DE CULTIVO dicas de viagens DireitosHumanos Discovery_Channel Diversão Documentários Dr.Drauzio DROGAS DROGAS LEGALIZADAS ð香草日報 Efeitos_das_drogas Efeitos_negativos_da_Maconha ELETRO Emicida Eminem entrevista Erba Quotidiano ERVA ervas legais Espanha Espécies ESPORTE_É_SAÚDE EVENTOS EXPO_CANNABIS fatos históricos Feminizadas Filipe_Ret FILMES COMPLETOS FILOSOFIA MODERNA FLORES Floresta_de_Luz FORFUN Fortaleza Fotos FOTOS CANNABICAS Fumaça FUTEBOL GabrielOPensador game Garota_da_Erva gifs GilbertoGil GlobalMarijuana.Support Gorillaz GREEN POWER Green_Drinks GROW GROW POWER GROWSHOP GUERRA AS DROGAS Hacker HAXIXE HEADSHOP Hemd Hemp Hierbas_Diaria HIGH TIMES HipHop História da Maconha History_Channel Hora do Chá humor Illuminatis incenso Indica indoor inspire-se Head Bazar Intervesão ipanema Jamaica Jardim Enteogeno Jardim Xamânico Jogos Olímpicos JorgeBenJor Justiça Kid Cudi Lapa larica LEAP LEAP BRASIL LEBLON legalização LEGALIZE LegalizeBrasil LegiaoUrbana Leis LIBERDADE LIVROS LSD MACONHA Maconha Cura Câncer maconha em Portugal maconha medicinal Maconha na Africa MACONHA NA AMERICA LATINA Maconha na Argentina Maconha na Asia Maconha na Europa Maconha na Holanda Maconha na Irlanda Maconha na Oceania Maconha no Brasil Maconha no Canadá Maconha no EUA Maconha no Oriente MACONHA NO URUGUAI 2012 MACONHA SINTETICA Maconheira's Online Maconheiro MACONHEIROS FAMOSOS Marcelo D2 MarceloD2 Marcha da Maconha Marijuana Mato Grosso do Sul meio ambiente Miley_Cyrus MITOS E VERDADES SOBRE DROGAS MODA HEMP MPB Mr.Catra MTV Mulher e Maconha mundo MÚSICA ALTERNATIVA MvBill NARGUILÉ NatGeo Natiruts NATURAL Natureza Divina New York Nicotina NOSSA ARTE NOSSAS VISITAS NOTICIAS ORappa Orgânico Oriente otíciasCannabicas outdoor PAPEL Para onde viajar? Paraguai Paralamas_do_Sucesso Parar de Fumar Paris PATROCINE O DIARIO DA ERVA Paulo_Coelho PENSAMENTOS PERGUNTAS Pessoas Petição_Pública Pitty Planet Hemp Plantação_de_Maconha Plantas Carnívoras PLANTAS PROIBIDAS plante tomate POLITICA Política Pública PontodeEquilibrio popipe PoPipe Head Shop POSITIVIDADE Pot in Rio Prazer Primavera 2013 Produtos Hemp PROMOÇÃO PROTESTO Psicodélico quem tem seda? RacionaisMcs Rainha da Erva Raiz Cultivo Indoor Rap Rastafari RAWnoBrasil Reggae RELAX Remédio Verde Renato_Cinco revolucionando Rihanna Rio ROCK Rússia SABOTAGEM Salve samba Santa Catarina São_Paulo Sativa saúde SE SEGURA MALANDRO Segurança_Pública SEMENTES SESSÃO SESSÃO FUMAÇA SethRogen SEXO SHOPPING DIARIO DA ERVA SHOWS COMPLETOS sk8 Skank skunk SnoopDogg Só para as meninas SOCIEDADE SOJA SOU A FAVOR DA MACONHA Style sublime sustentabilidade TABACARIA TABACO tattoo TEDx THC TheSimpsons Tillie_Gorts Tim Maia TIPOS DE MACONHA Titãs Top 10 fatos maconha Top das Marcas TRAFICANTES TV UFC Ultra420 Ultraeco UNIVERSO PARALELO URNA ONLINE URUGUAI 2012 Uruguay USUARIO Vaporizador videos Visão Ampla VOCÊ NO DIARIO DA ERVA Weed Song WizKhalifa



CONQUISTAR PESSOAS



 
Copyright © Diário da Erva. All rights reserved.
contato@diariodaerva.com